Análise: Sonic 4: Episode 2

Todo ano a mesma coisa, a Sega vem e anuncia um novo jogo de seu maior mascote e faz aquela velha promessa de que será o jogo que irá resgatar os bons tempos de ouro do personagem na era 16 bits.

Pois bem, sai ano, entra ano, vemos que a Sega nunca consegue cumprir a promessa, exceção com o ano de 2011 com o excelente Generations que reunia o mascote clássico com o moderno em fases 2D e 3D.

A bola da vez para o ano de 2012 foi a continuação de Sonic 4 de 2010, um segundo episódio, e assim como Sonic 4 Episode 1 estava para Sonic 1, o episode 2 está para Sonic 2, afinal o segundo episódio trouxe as mesmas mudanças como o acréscimo de Tails e os bônus com vista das costas do personagem em tubos psicodélicos em busca de anéis.

2129155-sonic4ep2screenlg10

 

Uma grande crítica dos fans em relação ao Episode 1, era a física estranha que nada lembrava os jogos clássicos do Mega Drive, isso foi melhorado aqui, porém ainda está aquém de ser o que os fans queriam, Sonic agora começa a correr mais rapidamente e quando se solta o direcional ele continua correndo por alguns segundos, o pulo agora já não é tão estranho, mas ainda tem aquele Homming Attack teleguiado.

Outra novidade é Tails no jogo, ao contrário de Sonic 2, existe uma cooperação maior, Tails deixa de ser um personagem que apenas corre e pula ao lado do personagem principal e passa a ter movimentos auxiliares, como por exemplo a habilidade de carregar Sonic voando por alguns segundos, ou um movimento em dupla em que os dois personagens formam uma bola giratória que sai destruindo tudo ao redor, é estranho, mas funciona, o único pesar é que deixa as coisas fáceis demais dessa forma.

images

As fases estão mais bem boladas, mais variadas, continuam no esquema clássico de oferecer mais de um caminho, e quanto mais alto for o caminho escolhido, mais difícil será, o que é ótimo, o nível de dificuldade do jogo também foi ajustado, agora oferece um desafio um pouco maior, porém dificilmente você verá uma tela de game over, já que é ridiculamente fácil conseguir vidas. Eu jogando no mundo 3, consegui acumular mais de 50 vidas facilmente mesmo morrendo diversas vezes tentando pegar todas as esmeraldas.

sonic4-ep2-09

E por falar nas esmeraldas, os bônus são os mesmos de Sonic 2, onde os personagens passam por um tubo com a visão por trás tentando cumprir metas ao juntar os anéis, no final da fase atingindo a meta, surge a esmeralda, juntando as 7, temos o Super Sonic.

Os chefes das fases também apresentam uma dificuldade maior, são mais interessantes, mais grandiosos, te faz pensar pelo menos um pouco em qual é a melhor forma de vence-los, e ainda soma ao fator de precisar usar alguma habilidade adicional para passar, como a de Tails para atingir alguns pontos mais altos, o que dá uma variedade um pouco maior indo além de apenas pular na cabeça algumas vezes.

sonic4metalsonicOutro personagem que também retorna é Metal Sonic, ele além de ter um episódio com 4 fases só com ele mostrando como foi seu retorno após os eventos de Sonic CD, revisitando algumas fases do Episode 1 em busca de Sonic, ele também aparece como um chefe da mesma forma que era em seu jogo de origem, ficou bem bacana.

Graficamente o jogo continua da mesma forma do primeiro episódio, o que não é exatamente ruim, mas não apresenta nenhuma evolução da primeira versão lançada 2 anos atrás, porém, por se tratar de um jogo vendido digitalmente, pode enfrentar algumas limitações de algumas lojas online, daí se justifica um pouco sua simplicidade, mas isso não significa que o jogo seja feio. A trilha sonora pouco lembra a dos jogos clássicos e se mostra pouco inspirada, aqui irá passar praticamente em branco.

Sonic 4 Episode 2 ainda não é o jogo que irá resgatar a reputação do personagem, mas também está longe de ser um jogo ruim, merece ser jogado, é bem melhor do que algumas apostas em 3D recentes. Infelizmente por ter sido extremamente criticado, dificilmente veremos um terceiro episódio que provavelmente mostraria Knukles. Agora nos resta esperar qual vai ser a bomba do ano que vem.

O que é bom:

A física foi melhorada;

As fases apresentam um desafio maior;

Tails adiciona mais diversidade na jogabilidade;

Multiplayer offline e online.

O que é ruim

Não apresenta grande evolução do jogo lançado há dois anos atrás;

Trilha sonora pouco inspirada.

Posts Relacionados

Gameplay de Sonic Colors em vídeo Foi liberado um vídeo mostrando um pouco do gameplay de um dos novos jogos do ouriço azul da Sega. No vídeo podemos ver um jogo bem similar ao Sonic ...
Análise: Sonic The Hedgehog para iOS e Android Desde que a Sega pediu arrego e largou os consoles próprios para fazer jogos para outras plataformas, vimos centenas de ports dos clássicos de Meg...
Sega prepara relançamento de jogos de Dreamcast Após 12 anos do lançamento da última investida da Sega no mercado de consoles, com o Dreamcast, a Sega parece querer manter pelo menos seu espírito vi...
Compre Sonic Colors e ganhe um chapéu lindo de mor... Primeiro post oficial sobre o foco real do blog. Vi isso checando meus feeds hoje, e não pude deixar de postar. O lance é o seguinte: quem tiver...

Venão

Gamer que começou com um Master System e passou por todas as gerações após isso. Podcaster, Youtuber e Web Developer. Se inscreve lá no canal do Youtube pra conferir todos os tutoriais, gameplays dos melhores games e trocar ideia em todas as lives! Clique aqui!

Se inscreva no canal para conferir os melhores tutoriais e gameplays!